fbpx
Guia definitivo de hipnose contra ansiedade

Coaching é aconselhamento?

Afinal, coaching é aconselhamento? Pois bem…. Essa é uma questão extremamente importante e que deve ser respondida de maneira clara, objetiva e sem nenhum tipo de amarras. Temos um ditado popular estabelecido há muitos anos que nos diz o seguinte:

“Se conselho fosse bom, ninguém dava. Vendia”.

Partindo dessa premissa podemos trazer á tona um simples bastante simples. Imaginemos o exemplo de alguém que até hoje, não sabe pescar. Se fossemos utilizar um preceito de aconselhamento, qual seria o cenário mais real imaginado e que tipo de resposta daríamos?

– “Não fique assim.. Você vai conseguir, já tentou uma isca diferente? Que tal um novo anzol?”

– “Entendo que no seu passado você não conseguiu estabelecer uma grande referência sobre como pescar”

– “Vamos entender o que fez que você não conseguisse pescar”

Resumindo ….. O foco central do aconselhamento está em abordar os sentimentos e suas experiências relacionadas ao passado e que interferem no seu presente. Já o coaching, seguindo o mesmo exemplo acima dado, teria situações como essas:

– “Quais são os pontos fortes que você tem que podem ser usados a seu favor?”

– “Quais são as dificuldades que você tem que lhe impedem de pescar?”

– “Em quanto tempo você crê que estará conseguindo pescar?”

– “Vamos estabelecer suas METAS de prática diária e executá-la”

 

Objetivo real é bem diferente do que dizem por aí..

O objetivo do coaching é voltado para o autoconhecimento, o planejamento, a execução contínua e os resultados. Além disso, este é um processo que analisa o AGORA, onde você quer chegar e COMO chegar.

Tão logo, o coaching não vai “apenas te ajudar a pescar”. Ele vai te dizer que “você terá que aprender a pescar através das suas ações e que resultados serão obtidos exclusivamente por conta as metas e das suas ações”. Ou ainda, dar conselhos é muito fácil, mas não gera nenhum desenvolvimento, ao contrário, a pessoa que dá conselhos gera dependência já que não tem a habilidade de fazer o outro criar suas próprias soluções.

 

O verdadeiro propósito

 Sem dúvidas que o Coaching pode, por determinados momentos e com limites claramente estabelecidos, mostrar possibilidades ao cliente sobre a situação atual e como desenvolvê-la com base no seu passado, se apropriando de técnicas similares á de profissionais das áreas de psicologia e terapia. Todavia, essa é uma linha muito tênue e que deve ser abordada com extremo cuidado.

Sendo assim, o coaching NÃO é aconselhamento. Mas afinal, qual seria o seu verdadeiro propósito?

São várias as respostas que podemos estabelecer, mas, a principal delas seria:

– Faça as perguntas corretas

 

Desenvolva VOCÊ seus objetivos

Para que possamos nos desenvolver e alcançar qualquer objetivo estabelecido, é importante que tenhamos a concepção central de que “Estou fazendo a pergunta correta?”. Sem a criação das perguntas consistentes e objetivos, qualquer ação determinada sobre o ponto de vista do Coaching acaba se perdendo.

– “Em quanto tempo quero aprender inglês?”

– “Quais são os meios que serão utilizados para estudo e por quanto tempo?”

– “Qual será meu nível de dedicação e comprometimento, em horas, para os estudos da língua inglesa?”
– “Qual o módulo ou nível que quero alcançar como objetivo?”

– “Quais são as minhas restrições e qualquer situação de bloqueio que tenho no momento que precisa ser resolvida para início do plano de estudos?”

– “No caso de empecilhos ou de situações de pequenos desvios, quais ações serão executadas para mitigar a falha?”

Veja… para o objetivo (aprender um novo idioma), uma série de perguntas são colocadas de maneira clara e objetiva e, com base nisso, o cliente pode estabelecer as próprias respostas. Esta é portanto, a principal diferença entre coaching e aconselhamento. O intuito é que a pessoa aprenda, no final de tudo, a sempre fazer as perguntas corretas.

Na Epopéia, nós unimos o que há de melhor ferramentas de coaching, PNL, neurociência juntamente com a hipnose clínica; para ajudar você a alavancar seus resultados: é Protocolo Pégasus®. Quer saber mais? Me chama no WhatsApp que vou ter o maior prazer em explicar como tudo funciona. Ou ainda você pode baixar gratuitamente algumas ferramentas para te ajudar tanto no coaching quanto na hipnose.

Boa leitura!

 

 

 

 

%d blogueiros gostam disto: